Rejeição a Bolsonaro dispara e atinge mais de 62%

Governo do presidente Jair Bolsonaro enfrenta desaprovação após denúncias de supostas irregularidades e propina em meio à pandemia de covid-19. | Carolina Antunes/PR

Segundo a pesquisa CNT/MDA, aprovação do presidente caiu para 33,8%.

Após desdobramentos da CPI da Covid e denúncias de supostas irregularidades no contrato de compra de 20 milhões de doses da vacina Covaxin e a denúncia de que o ex-diretor do Ministério da Saúde Roberto Dias teria pedido propina de US$ 1 por dose da vacina AstraZeneca, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sentiu a ameaça ao seu governo.

A avaliação negativa do governo do presidente Jair Bolsonaro cresceu para 62,5%, segundo mostrou pesquisa CNT/MDA, ao passo que a avaliação positiva totaliza agora apenas 33,8%. As informações são do portal Eixo Político.

Em maio a desaprovação e apoio ao governo, apenas 3,7% não souberam ou não responderam ao levantamento, referente ao período de 1 a 3 de julho. 

Veja o histórico:

Com informações do portal Eixo Político   

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.


*